Tutorial

Como Instalar o Nginx no Ubuntu 20.04 [Quickstart]

NginxUbuntuQuickstartUbuntu 20.04

Introdução

O Nginx é um dos servidores Web mais populares no mundo e é responsável por hospedar alguns dos sites de maior tráfego na Internet. Ele é mais amigável do que o Apache em termos de recursos na maioria dos casos e pode ser usado como um servidor Web ou como proxy reverso.

Neste guia, vamos explicar como instalar o Nginx no seu servidor Ubuntu 20.04. Para uma versão mais detalhada deste tutorial, consulte How To Install Nginx on Ubuntu 20.04

Passo 1 — Como instalar o Nginx

Uma vez que o Nginx está disponível nos repositórios padrão do Ubuntu, instale-o utilizando o sistema de empacotamento apt.

Atualize seu índice de pacotes local:

  • sudo apt update

Instale o Nginx:

  • sudo apt install nginx

Passo 2 — Como ajustar o Firewall

Se seguiu o tutorial pré-requisito de configuração do servidor, então você tem o firewall UFW ativado. Verifique os perfis de aplicativo ufw disponíveis com o seguinte comando:

  • sudo ufw app list
Output
Available applications: Nginx Full Nginx HTTP Nginx HTTPS OpenSSH

Vamos habilitar o perfil mais restritivo que ainda permitirá o tráfego que você configurou, permitindo o tráfego na porta 80:

  • sudo ufw allow 'Nginx HTTP'

Verifique a mudança:

  • sudo ufw status
Output
Status: active To Action From -- ------ ---- OpenSSH ALLOW Anywhere Nginx HTTP ALLOW Anywhere OpenSSH (v6) ALLOW Anywhere (v6) Nginx HTTP (v6) ALLOW Anywhere (v6)

Passo 3 — Como verificar seu Servidor Web

Verifique com o sistema init systemd para garantir que o serviço esteja funcionando digitando:

  • systemctl status nginx
Output
nginx.service - A high performance web server and a reverse proxy server Loaded: loaded (/lib/systemd/system/nginx.service; enabled; vendor preset:> Active: active (running) since Mon 2020-05-04 22:45:26 UTC; 1min 17s ago Docs: man:nginx(8) Main PID: 13255 (nginx) Tasks: 2 (limit: 1137) Memory: 4.6M CGroup: /system.slice/nginx.service ├─13255 nginx: master process /usr/sbin/nginx -g daemon on; master> └─13256 nginx: worker process

Acesse a página inicial padrão do Nginx para confirmar que o software está funcionando corretamente através do seu endereço IP:

http://your_server_ip

Você deve receber a página inicial padrão do Nginx:

Nginx default page

Passo 4 — Como configurar os blocos de servidor (recomendado)

Ao usar o servidor Web Nginx, os server blocks (similares aos hosts virtuais no Apache) podem ser usados para encapsular detalhes de configuração e hospedar mais de um domínio de um único servidor. Vamos configurar um domínio chamado your_domain, mas você deve substituí-lo por seu próprio nome de domínio. Para aprender mais sobre como configurar um nome de domínio com a DigitalOcean, por favor, consulte nossa Introdução ao DNS da DigitalOcean.

Crie o diretório para your_domain, utilizando a flag -p para criar todos os diretórios pais necessários:

  • sudo mkdir -p /var/www/your_domain/html

Atribua a posse do diretório:

  • sudo chown -R $USER:$USER /var/www/your_domain/html

As permissões dos Web roots devem estar corretas se ainda não tiver modificado seu valor umask, mas você pode certificar-se digitando:

  • sudo chmod -R 755 /var/www/your_domain

Crie uma página de amostra index.html utilizando o nano ou seu editor favorito:

  • nano /var/www/your_domain/html/index.html

Dentro, adicione a seguinte amostra HTML:

/var/www/your_domain/html/index.html
<html>
    <head>
        <title>Welcome to your_domain!</title>
    </head>
    <body>
        <h1>Success!  The your_domain server block is working!</h1>
    </body>
</html>

Salve e feche o arquivo quando você terminar.

Crie um novo bloco de servidor em /etc/nginx/sites-available/your_domain:

  • sudo nano /etc/nginx/sites-available/your_domain

Cole no seguinte bloco de configuração, atualizado para nosso novo diretório e nome de domínio:

/etc/nginx/sites-available/your_domain
server {
        listen 80;
        listen [::]:80;

        root /var/www/your_domain/html;
        index index.html index.htm index.nginx-debian.html;

        server_name your_domain www.your_domain;

        location / {
                try_files $uri $uri/ =404;
        }
}

Salve e feche o arquivo quando terminar.

Habilite o arquivo criando um link dele para o diretório sites-enabled:

  • sudo ln -s /etc/nginx/sites-available/your_domain /etc/nginx/sites-enabled/

Agora, dois blocos de servidor estão habilitados e configurados para responder a pedidos baseados nas diretrizes listen e server_name:

  • your_domain: irá responder às solicitações para your_domain e www.your_domain.
  • default: responderá a quaisquer pedidos na porta 80 que não correspondam aos outros dois blocos.

Para evitar um possível problema de memória de hash que possa surgir ao adicionar nomes adicionais de servidor, é necessário ajustar um valor único no arquivo /etc/nginx/nginx.conf. Abra o arquivo:

  • sudo nano /etc/nginx/nginx.conf

Encontre a diretriz server_names_hash_bucket_size e remova o símbolo # para remover a marca de comentário da linha:

/etc/nginx/nginx.conf
...
http {
    ...
    server_names_hash_bucket_size 64;
    ...
}
...

Teste para conferir se há erros de sintaxe:

  • sudo nginx -t

Reinicie o Nginx para habilitar suas alterações:

  • sudo systemctl restart nginx

O Nginx agora deve estar exibindo seu nome de domínio. Você pode testar isso navegando para http://your_domain, onde você deve ver algo assim:

Nginx first server block

Conclusão

Agora que tem seu servidor Web instalado, você tem muitas opções para o tipo de conteúdo a oferecer e as tecnologias que quiser usar para criar uma experiência mais rica.

Se você gostaria de construir uma pilha de aplicações mais completa, verifique este artigo how to configure a LEMP stack on Ubuntu 20.04

Creative Commons License